terça-feira, 16 de Junho de 2009

A CANÇÃO DOS TAMANQUINHOS, poesia de Cecília Meireles


.....Troc... troc... troc... troc...
.....Ligeirinhos, ligeirinhos,
.....Troc... troc... troc... troc...
.....Vão cantando os tamanquinhos...
..
.....Madrugada. Troc... troc...
.....Pelas portas dos vizinhos
.....Vão batendo, troc... troc...
.....Vão cantando os tamanquinhos...
.
.. ..Chove. Troc... troc... troc...
.....No silêncio dos caminhos
.....Alagados, troc... troc...
.....Vão cantando os tamanquinhos...
.
......E até mesmo, troc... troc....
.....Os que têm sedas e arminhos,
.....Sonham - troc... troc... troc...
.....Com seu par de tamanquinhos...

2 comentários:

Lucia disse...

Poesia que aprendi na infância. Linda!!! Lucia

Ilona Bastos disse...

Lucia, muito obrigada pela visita e pelo comentário. É realmente encantadora esta poesia. Chega a ser tocante, quando associada ao texto "Tamanquinhos Vermelhos", que a antecede, no livro "Criança meu amor". Penso trazer também esse texto para o blogue.
Um abraço, Ilona